O Beijo da Morte (Judie Castilho)

Imagine a seguinte situação: O planeta Terra não é o único planeta no Universo com vida inteligente – o que realmente acredito, mas enfim… -, onde 16 planetas são aliados à União Universal (Uni Uni) e 4, os planetas “Gafanhotos”, são inimigos de todo o Universo numa busca incessante por poder. Além disso, seletos adolescentes de todos os povos se encontram anualmente na Academia Frantila, o melhor e mais disputado centro de estudos do mundo, ondem aprendem a desenvolver suas habilidades (controle corporal, domínio dos elementos naturais, controle mental etc.) e têm a oportunidade de conhecer os demais povos e culturas.

Gênero: Fantasia/ Romance
Páginas: 460
Editora: Chiado
Classificação: 🌙 🌙 🌙 🌙 🌙 / 5

O_BEIJO_DA_MORTE_1461092143579265SK1461092143B

SINOPSE

Quando a paz no universo está ameaçada, um amor impossível pode se tornar uma poderosa arma nas mãos inimigas.                                                                

Haysla e sua amiga, Violyt, estão iniciando uma nova fase em suas vidas.
Depois de passarem muitos anos na Terra, enfim chegou o dia pelo qual elas tanto esperaram! Elas estão completando 17 anos e ingressando na Academia Frantila, a escola mais prestigiada e disputada do universo.
Mas as coisas não serão fáceis para elas…
A União Universal e seus 16 planetas aliados acreditam estar cada vez mais unidos e poderosos. Porém, uma grande conspiração intergaláctica está se formando. Seus planetas inimigos não querem mais viver à margem do universo. Eles estão em busca de poder e de um elixir que lhes garanta uma longa vida.
Para complicar ainda mais as coisas, Haysla está vivendo um peculiar triângulo amoroso.
De um lado, um amor leve, divertido, tranquilo… Possível.
De outro lado, um amor ardente, avassalador, compulsivo… Mas impossível.
E para viver este amor, Haysla não temerá consequências, e pode colocar todo universo em sérios apuros.

 

Aos 17 anos, Haysla Rhieavatre e Violyt Fhanthisk, amigas inseparáveis que viveram muitos anos na Terra, estão prestes a ingressar na Academia Frantila, e é a partir desse ponto que o livro se inicia. Afinal, em seu planeta natal as garotas estavam acostumadas a serem populares desejadas e principalmente o centro das atenções – o que Hasyla adorava e almejava. Mestiças, a beleza e certas habilidades delas se destacavam. Mas na Academia, elas não eram as únicas com poderes especiais e beleza exótica. Será que elas conseguiriam mesmo se adaptar à nova escola?

Além do mais, elas são filhas de ninguém menos que Vryan Rhieavatre, o presidente da Uni Uni. Ou seja, o cara que apenas comanda todo o Universo. Vryan foi um personagem que me chamou bastante a atenção. O relacionamento que ele tem com as meninas, ainda mais com Violyt, que não é sua filha biológica, é admirável e muito bonito de se acompanhar. Ele é extremamente atencioso, carinhoso e cuidadoso com elas, sendo capaz de tudo para mantê-las a salvo. Por outro lado, ele também possui a face “Presidente”, onde é perspicaz, temido e extremamente rigoroso – qualidades necessárias para conseguir manter tudo em ordem. Na história, podemos observar o contraste entre esses dois “lados” de Vryan e, com toda certeza, sua segunda face é capaz de deixar qualquer um tremendo de medo!

Violyt era mais que uma amiga pra ela, era mais até que uma irmã. As duas estavam sempre tão juntas desde que nasceram, que era como se elas fossem duas metades de um todo. Violyt era quase como ela mesma.

Já no primeiro dia de aula, ao caminharem em direção ao laboratório, Haysla e Violyt se deparam com um homem de beleza inimaginável. E Hasyla nem sequer consegue disfarçar seu imediato interesse. Mas há algo de errado com ele. Ele parece não corresponder a nenhuma investida de Haysla – o que a emputece e faz com que ela comece a implicar com ele sem ter argumentos reais para isto. Ela só não imaginava que ele era, na verdade, Benjamin Thriskow, professor da Academia, Ministro da Uni Uni e braço direito de seu pai. E mais: ele é um Klyso, oriundo do planeta Eklyses, e possui um veneno mortal que, em contato com o organismo de Haysla, é capaz de matá-la imediatamente.

Em outras palavras, Benjamin pode significar enorme perigo a ela. Um romance entre os dois seria insensato e literalmente mortal.

Ao decorrer do ano letivo, já entrosadas, as protagonistas estabelecem vários laços de amizade, entre eles: Donank, Lohan, Noaha, Shiva, Dandara e Keynel. Cada um deles especial à sua maneira, e o valor e importância da amizade é algo marcante no livro inteiro. Enquanto isso, um triângulo amoroso nada convencional começa a se formar: de um lado, Benjamin, com todo seu poder e charme, e do outro, Keynel, com todo seu carinho e dedicação infinita. E o leitor, assim como Haysla, encontra-se dividido entre dois caras tão distintos, mas igualmente especiais. Como já fiz questão de dizer à autora: ambos são personagens muito bem construídos e facilmente apaixonantes. Eu achei muito interessante que, mesmo tão imponentes Benjamin e Keynel não fazem aquele tipo machista de homem que não demonstra sentimentos por medo de parecer frágil ou que precisa provar sua “masculinidade” o tempo inteiro. Particularmente, sou Team Benjamin, mas muita coisa vai rolar até que Haysla enfim acabe com o suspense e opte entre amor e estabilidade, ou amor e perigo. Tenho que concordar que tudo que é proibido parece ter um gostinho mais atraente! (Hahaha)

marcadoresroxinhos

Preciso ressaltar que não tenho o costume de ler livros de fantasia. São poucos que captam meu interesse. Quando decidi me aventurar por “O Beijo da Morte”, não imaginei que acabaria tão envolvida com a trama e os personagens! A narrativa, em terceira pessoa, possibilita uma visão mais ampla dos fatos e um entendimento melhor dos personagens, e a escrita da Judie Castilho é leve e fluída, de maneira completamente abarcante.

A princípio, não simpatizei com Violyt, muito menos com Haysla. Enquanto a primeira é excessivamente insegura e doce, a outra é excessivamente arrogante e confiante. Achei que, enquanto uma era “de mais”, a outra era “de menos”. Porém, com o decorrer das páginas, percebi que esse era mais um contraste que dava graça ao livro, principalmente a personalidade única de Hasyla! Quando soube que Hasyla é do signo de Áries (no caso, em nosso planeta), tudo fez sentido… Impulsiva, determinada, orgulhosa, sedutora… Por fim, notei mais coisas em comum entre mim e Hasyla do que apenas o signo – também sou Ariana! Hahaha

banner (1)

Amei o livro, achei a capa maravilhosa e me impressionei com tamanha imaginação da autora! Ela criou tanta coisa (planetas, sistemas solares, lugares, amuletos, lendas, raças etc.), numa riqueza de detalhes, sem ser maçante (como a narrativa de O Senhor dos Anéis, por exemplo, que achei maçante justamente por conter descrições demais de detalhes desnecessários), favoritei, e espero ansiosa a próxima continuação da série “Sob a Luz das Galáxias”. O livro se inclina para um final eletrizante, cheio de ação e emoção, onde Haysla, quase sem querer, acaba dando muita dor de cabeça ao Presidente Vryan e deixa todo o Universo em perigo, em nome do amor.

“Tentarei ser feliz.” Virando-se para olhar Benjamin por mais uma vez, Haysla mentalizou, já a uma certa distância, “Mas nunca deixarei de te amar. Enquanto meu coração pulsar, pulsará por você.”

*O Ebook nos foi concedido em parceria com a autora.

Anúncios

7 comentários sobre “O Beijo da Morte (Judie Castilho)

  1. Ai, Marcela, que resenha mais linda!!!! Fiquei aqui rindo feito uma boba!!!!!
    Me sentindo a rainha da cocada preta, fui comparada à SENHOR DOS DOS ANÉIS, e ganhei. 😂😂😂
    Brincadeiras à parte, fiquei emocionada… Muito obrigada pelas palavras, mesmo.
    ❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️

    Curtido por 2 pessoas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s